Header Ads

EUROPA/ESPANHA - Em todo o mundo, mais de 40 milhões de meninas não frequentam escolas e 500 milhões de mulheres são analfabetas


Por ocasião do Dia Internacional da Mulher, os missionários salesianos ressaltam a importância da escolarização das mulheres afirmando que "educar uma mulher equivale a educar um povo". Segundo o último Relatório de 'Misiones Salesianas', em todo o mundo, mais de 40 milhões de meninas não frequentam escolas e 500 milhões de mulheres são analfabetas.

Em consequência disso, acrescentam os missionários, as mulheres que não sabem ler nem escrever ignoram seus direitos e não podem participar das decisões de suas comunidades. No Quênia, por exemplo, se as mulheres que trabalham nos campos recebessem a mesma instrução dos homens, as coletas aumentariam 22%. E se na América do Sul se eliminasse a disparidade de gênero no mercado de trabalho, o produto nacional aumentaria mais de 5%. Todavia, não é preciso ir tão longe para demonstrar as diferenças entre homens e mulheres. Por exemplo, se na Europa ambos recebessem os mesmos salários, o produto interno bruto aumentaria 13%.

Diante desta situação, os missionários salesianos pedem a governos e organismos internacionais que envolvam mais as mulheres, assim como previsto nos acordos de 2000 em resposta ao Objetivo de Desenvolvimento do Milênio de "promover a igualdade de gênero".

FONTE: Agência Fides - 07/03/2012

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.