Realizado 1º Congresso Regional da IAM do Ceará


O 1º Congresso da Infância e Adolescência Missionária (IAM) do Regional Nordeste 1 da CNBB (Ceará) realizado em Crato (CE) nos dias 22 a 24 de junho, reuniu 142 pessoas. Com o tema “Pequenos-grandes missionários a serviço da missão universal”, a formação teve uma programação que contemplou vários temas, entre eles, “como são as crianças e adolescentes do mundo? Diagnóstico da realidade atual”; “Missão é oração e ação”; “O que podemos fazer para ajudar as crianças e adolescentes no mundo?”.

Destaque, durante o Congresso, para o momento dos testemunhos missionários, que contou com a participação do bispo da diocese de Sobral, dom Odelir Magri, missionário comboniano que atuou no Congo, África; do diretor nacional das Pontifícias Obras Missionárias (POM), padre Camilo Pauletti, que testemunhou sua experiência em Moçambique, também no continente africano; a irmã Teresinha Arcanjo, coordenadora da IAM da diocese de Sobral, por sua vez, relatou sua experiência com migrantes brasileiros na Europa.

Segundo o secretário nacional da IAM, padre André Luiz de Negreiros, que assessorou o encontro, foi um momento importante, “porque o primeiro congresso representa uma motivação para o desenvolvimento da Obra no Regional”. O diretor nacional das POM, padre Camilo Pauletti, também afirma a importância do encontro para a Igreja no Regional Nordeste 1. “Esse encontro manifesta o crescimento da Obra no Ceará, mesmo com dificuldades, mas percebi o fervor, animação e envolvimento das religiosas, da comunidade, dos bispos e padres que valorizam a Obra da Infância e Adolescência Missionária. Para nós reflete a esperança, por meio da Obra, de termos uma Igreja cada vez mais missionária”.

O 2º Congresso da IAM do Ceará deverá acontecer em Iguatu. A data ainda não foi marcada.

Comentários

  1. Eu fui e participei , amei, minha primeira experiencia com a IAM, Apesar que eu quebrei o pé... Amei, foi muito legal...
    De todas as crianças do mundo sempre amigos...

    ResponderExcluir

Postar um comentário