26 de fevereiro de 2014

Campanha da Fraternidade 2014


Todos os anos a Igreja do Brasil, por meio da Campanha da Fraternidade convida o povo brasileiro a rezar e a refletir sobre situações de injustiça e escravidão que ferem a dignidade humana.

Nos últimos anos a Campanha da Fraternidade refletiu sobre o cuidado com a natureza, a necessidade de segurança, a decadência da saúde pública, o envio em missão de todos os cristãos. No ano de 2014 a Igreja refletirá sobre o tráfico humano, tema proposto pelo Grupo de Trabalho de Enfrentamento ao Tráfico de Pessoas e de Combate ao Trabalho Escravo, da CNBB, grupos do setor da Mobilidade Humana e das Pastorais Sociais, como a Comissão Pastoral da Terra, e aceito pelo Conselho Episcopal Pastoral da CNBB.

Com o tema: “Fraternidade e Tráfico Humano” e lema: “É para a liberdade que Cristo nos libertou” (Gl 5,1), a Campanha abordará pontos que aparentemente foram esquecidos por muito tempo, mas que hoje o Brasil luta para combater. Questões como trabalho escravo, trabalho infantil, exploração sexual e migrações são delicadas de se discutir por tratarem de ações que acontecem no escondimento e atingem um número de vítimas cada vez maior.

Em geral as vítimas do tráfico humano são aquelas pessoas mais vulneráveis física e psicologicamente. Por isso a CF de 2014 buscará acordar a todos, tanto o povo como as autoridades, para a importância de estar alerta para enfrentar esse mal que macula a liberdade para qual o ser humano foi criado.

Veja mais:

Nenhum comentário:

Postar um comentário