Header Ads

Formação Missionária para a IAM no estado do Espírito Santo



As (arqui) dioceses do estado do Espírito Santo (Vitória, Colatina, Cachoeiro do Itapemirim e São Mateus) acolheram nos dias 24 a 26 de agosto, o Encontro de Aprofundamento para Coordenadores Estaduais e Diocesanos da Infância, Adolescência e Juventude Missionária, que reuniu 46 pessoas.

Durante o encontro foram trabalhados os temas “Diagnóstico da IAM na atualidade, seu trabalho e sua importância”; “tipos de crianças”; “como andam as crianças e adolescentes do mundo?”, assessorados pelo secretário nacional da IAM, padre André Luiz de Negreiros, que elogiou a presença do bispo diocesano de Colatina, dom Décio Sossai Zandonade; do coordenador do Conselho Missionário Regional (Comire) padre Malvino e do coordenador estadual da IAM, Francisco Malakare. “A presença deles enriquecem o encontro e nos ajuda a levar adiante o trabalho desta Obra tão importante para a nossa Igreja”.


Me chamou bastante atenção neste encontro a experiência dos participantes, juntamente com a coragem de tantos que deram início às atividades da IAM. A troca de experiências nas conversas nos ajudam nos grupos”, disse João Paulo Angeli, da paróquia de Santa Teresa (ES).

Luiz Alberto da Silva, da arquidiocese de Vitória, destacou um dos temas trabalhados no encontro, importante para seu trabalho nos grupos. “A liturgia com as crianças foi importante. Na minha comunidade temos a celebração semanal com as crianças e os adolescentes e sempre ficamos com dúvidas em relação à homilia, porque a maneira de falar e explicar as leituras nem sempre são adequadas”.

Já Ana Flávia Frontino da Cruz, da diocese de São Mateus, disse como se sente ao trabalhar com a Infância e Adolescência Missionária. “Realizando o que Jesus pediu aos discípulos e realizada ao ver que estou ajudando a mostrar que as crianças e adolescentes são capazes de olhar o mundo através da dimensão missionária, com todos os desafios. Elas têm que saber que são necessárias para transformar a realidade. Sinto-me preenchida e realizada em estar fazendo parte de uma Obra tão linda e necessária”. 

FONTE: POM - www.pom.org.br








Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.