AMÉRICA - Instrução nas escolas: 22 milhões de crianças não frequentam as escolas ou abandonam os estudos



Não obstante existam 117 milhões de crianças em idade escolar nos países da América Latina e Caribe, milhões delas ainda não têm a possibilidade de ir para a escola. Mais de 22 milhões de crianças e adolescentes não frequentam as escolas ou estão em alto risco de abandonar os estudos.

Segundo as últimas estatísticas, 6 milhões e 500 mil delas não frequentam as escolas e 15 milhões e 600 mil participam das aulas em contextos não adequados, discriminadores e que os tornam particularmente vulneráveis. Nas últimas décadas foram promovidas várias iniciativas para melhorar a qualidade e o nível de igualdade na educação, para combater a pobreza e a discriminação, com o objetivo de promover a inclusão social. No entanto, existem ainda muitos obstáculos que causam a entrada tardia de muitas crianças no sistema educacional.

Além disso, há um aumento do risco de exclusão ou abandono da educação escolar, são crianças e adolescentes indígenas, afrodescendentes, portadores de deficiência ou que vivem nas áreas rurais. Segundo fontes locais, nas áreas remotas de alguns países, a frequência do ensino secundário atinge no máximo 50%.

FONTE: Agência Fides - 23/10/2012

Comentários