IAM e JM de Minas Gerais realizam Congresso


A cidade de Montes Claros (MG) acolheu, nos dias 15 a 17 de novembro, 3º Congresso Estadual da Infância, Adolescência e Juventude Missionária. Participaram aproximadamente 700 pessoas entre crianças, adolescentes, Jovens e assessores de dez dioceses do estado de Minas Gerais.

O Congresso teve como tema: “Pequenos e alegres missionários, acendendo no mundo, há 170 anos, a chama do amor”, e lema: “E o menino crescia em estatura, em sabedoria e graça diante de Deus e dos homens” (Lc. 2,40).


Vários assessores ajudaram nas reflexões e dinâmicas entre eles, os padres Camilo Pauletti, diretor das POM e Sávio Corinaldesi, secretário da Obra de São Pedro Apóstolo, que contribuíram nas colocações.

Duas grandes celebrações e um tempo de adoração ao Santíssimo Sacramento, marcaram a espiritualidade. Dom José Alberto Moura, arcebispo de Montes Claros, presidiu a celebração de abertura e dom Emanuel Messias de Oliveira, bispo de Caratinga, presidiu a celebração de encerramento.


As atividades se desenvolveram na escola estadual Francisco Lopes onde os participantes ficaram alojados nas salas de aula. O Ginásio foi o palco principal das concentrações, enquanto a paróquia de Santos Reis organizou a infraestrutura e acolheu o Congresso. Os padres Reginaldo e Welinton, pároco e vigário respectivamente, estiveram presentes e acompanharam todos os trabalhos.

Maria das Dores Silva Santos (Dorinha) coordenadora estadual da IAM e Érica Júlia, coordenadora da JM, estiveram muito envolvidas com a programação. “Estamos cansadas, mas felizes pelo grande acontecimento. Tudo correu muito bem”, disseram aliviadas.

As crianças manifestavam muito entusiasmo. “Para ter fé, não precisa de muita idade, as crianças fazem parte de Jesus e Jesus ama as crianças”, disse Maria Eduarda, 9 anos de idade, de Montes Claros disse. Júlia Costa, 16 anos, de Guanhães, adiantou que pretende partilhar a experiência. “Vou levar este calor, esta chama que é acesa e tudo que partilhamos no Congresso, para minha vida e nossa comunidade”.

Dom Moura se manifestou grato por receber o evento. “Temos muita alegria de receber em nossa arquidiocese este Congresso. As crianças tem algo de sincero, espontâneo e verdadeiro no coração e nos ensinam a todos”, afirmou o bispo. Padre Camilo que ajudou nas atividades com os jovens, assim avaliou os trabalhos. “Estes acontecimentos, mostram o ardor e alegria que nossas crianças e Jovens vão manifestando por este nosso País. Faz bem perceber que há muita vitalidade, nos dá esperança e ao mesmo tempo nos desafia para canalizar toda está força e energia para a defesa e construção da vida”.

O congresso é realizado a cada dois anos. No final do encontro Caratinga foi escolhida como sede da próxima edição, em 2015. Dom Emanuel recebeu a cruz da IAM e o ícone de Nossa Senhora, símbolos que acompanham todos os congressos. 

FONTE: POM - 18/11/2013

Veja mais:

Comentários