#FalaSério: 50 mil crianças podem morrer de fome no Mali em 2014, estima ONU


No Mali (África), cerca de 136 mil crianças sofrem de desnutrição aguda, patologia que está registrando uma alta taxa de mortalidade, e outros 360 mil sofrem de desnutrição moderada. Segundo os últimos dados obtidos pelo Fundo para a Infância das Nações Unidas, se não receberem alimentação adequada no decorrer de 2014 no país africano podem morrer de fome cerca de 50 mil crianças.

Para prevenir e limitar esta tragédia humanitária, foi recentemente apresentado um plano de Assistência das Nações Unidas que prevê a distribuição de um concentrado de alimentos nutrientes que reanimam a criança desnutrida de forma rápida e eficaz. O objetivo do plano humanitário é melhorar o acesso aos serviços sociais de base no setor da saúde, educação, nutrição e higiene. Está também previsto um aumento das atividades que protegem os grupos mais vulneráveis da população, como os deslocados internos, as comunidades de acolhimento, os repatriados, e limitar as consequências da crise alimentar através da agricultura.

No total, mais de 3 milhões de pessoas que sofrem de insegurança alimentar, a maior parte no norte do país, por causa do conflito interno e da ocupação desta área por grupos armados irregulares. O conflito provocou o deslocamento de mais de quinhentas mil pessoas dentro do país e para fora nas nações vizinhas, ampliando a crise no centro e no sul do Mali.

FONTE: Agência Fides - 26/02/2014

Comentários