Crianças nas Santas Missões Populares em Braço do Rio


A Diocese de São Mateus, na região norte do Espírito Santo, está vivendo um tempo especial de graça e fé que vem movimentando suas 715 comunidades eclesiais de base, pastorais, grupos e movimentos.

As Santas Missões Populares chegaram para sacudir, despertar e dar novo impulso à ação missionária na Igreja em meio ao povo santo de Deus. E é claro que a Infância e Adolescência Missionária não ficaria de fora dessa.


Em cada uma das 21 paróquias, simultaneamente ao retiro dos adultos, acontece o “retirinho”, que movimenta a criançada e os anima para viver a missão desde pequenos.

No mês de maio, foi a vez da Quase-Paróquia São João Batista, no distrito de Braço do Rio, em Conceição da Barra, vivenciar esta verdadeira experiência pascal: cerca de 400 adultos na Igreja Matriz e 180 crianças da escola que fica logo em frente.

As atividades com as crianças (da catequese e da IAM) foram coordenadas pelos seminaristas Vitor Vasconcelos e Igo Venturini, sob o olhar zeloso do Pe. Elder Malovini, administrator paroquial. No ritmo das SMP, as crianças, que em sua grande maioria já participam dos grupinhos da IAM, participaram atentas da formação, dos momentos de oração e animação e por fim foram às ruas entregar uma oração nas casas, nos bares e àqueles que encontrassem pelo caminho. Foi encantador!

De fato, as Santas Missões Populares estão trazendo um novo ardor missionário à nossa Igreja, sendo sinal de vida e ressurreição entre os nossos irmãos.

Vitor Vasconcelos Salvador
Seminarista do 2º ano de Teologia


Comentários