#GotasMissionárias: Pelo direito de ser criança!


Comemoramos no dia 21 de março o Dia Mundial da Infância. Relembrar essa data nos reporta a um questionamento que os nossos pequenos passam, aliás, nós também passamos um dia: "o que você vai ser quando crescer?" Isso sempre causou e causa inquietação, porque responder nem sempre é fácil. Nossos pequenos são desafiados a largarem cedo essa fase tão importante da vida, "queimando etapas" que cerceiam um direito básico: o direito de ser criança.

O Estatuto da Criança e do Adolescente assegura em seu 7º capítulo que a criança ou adolescente possui direito à proteção, à vida e à saúde, mediante a efetivação de políticas sociais públicas que permitam o nascimento e o desenvolvimento sadio e harmonioso, em condições dignas de existência. Quando cuidamos desses direitos permitimos que os nossos pequenos escolham com segurança um caminho a seguir na vida adulta. Ao contrário disso, ainda observamos que há muitas crianças sofrendo com o abandono dos pais e familiares, ou que sofrem com tristeza, depressão, dentre outras doenças típicas de adultos. Estas crianças passam pela infância sem brincadeiras, sem risos largos, sem alegrias...

Aos 12 anos de idade, Jesus demonstrou maturidade e sabedoria quando conversou com os sábios no templo (cf. Lc 2, 41-52). Quando adulto, Ele também nos ensinou a valorizar e a cuidar destes pequeninos, trazendo-os ao centro das discussões quando as crianças eram desprezadas (cf. Mc 9, 33-37). Quando ensinava os seus discípulos e as multidões, Jesus falava da vida em abundância para todos, sem exceções. Esse ensinamento de Jesus nos aponta um caminho, porque é assim que querem viver os nossos pequenos: ter uma vida plena como crianças. Mas afinal de contas, o que significa ser criança? Ser feliz, correr, pular, dar risada e brincar muito. Nos versos do poeta Flávio Almeida: "Quem um dia não brincou, não sabe o que perdeu. Pela infância da vida passou, só passou, mas não viveu!".

É dessa maneira que queremos comemorar o Dia Mundial da Infância: com festa, gargalhadas, alegrias, enfim, brincando como toda criança deseja e sonha. Jesus, nosso amigo, também festeja conosco.

De todas as crianças do mundo, sempre amigos!

Roseane de Araújo Silva
Missionária leiga e pedagoga da Rede Pública do Paraná.

FONTE: Revista Missões - Março 2011

Comentários