#FalaSério: Na Síria, milhões de crianças sem ensino. Escolas destruídas ou transformadas em abrigo para os desalojados


Quatro anos após o início dos conflitos na Síria, registram-se atualmente mais de 5 milhões de crianças desalojadas e 2 milhões de refugiadas nos países vizinhos. Segundo estimativas do Fundo das Nações Unidas para a Infância, morreram mais de 10 mil menores e muitos outros ficaram órfãos. Mais de 2 milhões de crianças não vão à escola porque é arriscado, porque os edifícios foram destruídos ou transformados em alojamentos para desabrigados.

A falta de solução coloca ainda mais em risco as crianças que podem ingressar em bandos criminosos e ser exploradas. Em um recente relatório elaborado por Save the Children, com o American Institutes for Research, que enviou a notícia à Agência Fides, lê-se que as matrículas na escola fundamental na Síria diminuíram de 100% para 50%.

O número de pessoas que precisam de ajudas urgentes duplicou em um ano. Atualmente, quase 4 milhões de sírios estão refugiados em países limítrofes e se prevê que no final de 2 015 o número chegará a mais de 4 milhões e meio. 

FONTE: Agência Fides - 18/03/2015

Comentários