Papa faz apelo no Dia Mundial de Combate ao Trabalho Infantil


Ao final da Audiência Geral, o Papa Francisco fez um apelo por ocasião do Dia Mundial de Combate ao Trabalho Infantil, que se celebra em 12 de junho. O Pontífice fez uma referência especial à exploração das crianças no trabalho doméstico, definindo-o um “deplorável” fenômeno em crescimento constante, especialmente nos países pobres.

São milhões os menores, principalmente crianças, vítimas dessa forma disfarçada de exploração que comporta também muitos abusos, maus-tratos e discriminações. Desejo vivamente que a comunidade internacional possa promover providências ainda mais eficazes para enfrentar essa autêntica chaga. Trata-se de uma verdadeira escravidão. Todas as crianças devem poder brincar, estudar, rezar e crescer, nas próprias famílias, em um contexto harmônico de amor e de serenidade. É um direito deles e um dever nosso. Uma infância serena permite às crianças olhar com confiança para a vida e para o amanhã. Ai de quem sufoca neles o deslanchar alegre da esperança!

FONTE: Rádio Vaticano - 12/06/2013

Comentários