Header Ads

#FalaSério: No México, 2 mil crianças assassinadas ou mutiladas de 2006 a 2014


Continua sendo alarmante o aumento de crianças que desaparecem ou são recrutadas por grupos criminosos no México, como o de crianças que são mortas ou mutiladas. A denúncia acaba de ser feita pela Comissão Interamericana de Direitos Humanos (CIDH), após uma recente visita ao país do relator dos Direitos das Crianças e Adolescentes da CIDH.

De acordo com informações obtidas por várias organizações da sociedade civil comprometidas com a tutela das crianças, enviadas à Agência Fides, entre 2006 e 2014 foram assassinadas ou mutiladas, às vezes de forma cruel, 2 mil crianças, além do elevado número de crianças recrutadas à força por grupos criminosos nas comunidades mais pobres.

Quanto aos sistemas de tutela das crianças, a CIDH observa que ainda há uma preocupante falta de normas, coordenação e supervisão da parte do Estado. Além disso, somente há alguns meses, na casa de acolhimento para as crianças "La Gran Familia", em Michoacán, foram encontradas centenas de crianças, bebês e jovens em condições desumanas, vítimas de todo tipo de abuso. A instituição também condenou as condições das crianças que vivem nas ruas, especialmente na capital superlotada, assim como as crianças imigrantes, muitos das quais viajam desacompanhadas de um adulto e não têm assessoria jurídica, fundamental para garantir os seus direitos. 

FONTE: Agência Fides - 21/10/2014

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.