#FalaSério: Pelo menos 19 países no mundo recrutam crianças-soldado


Os últimos dados obtidos pela ONG Anistia Internacional, relativos a 2012, confirmam que não se pode saber com precisão quantas são atualmente as crianças obrigadas em todo o mundo a participar de conflitos armados. Todavia, são milhões, alvo de bandos criminosos que as exploram como soldados. As estimativas indicam que há recrutamento em pelo menos 19 países, dentre os quais, a Colômbia.

Trata-se de uma prática comum, considerada normal em meio a conflitos, guerras e violência: a única que muitos menores conheceram em suas vidas. Estes menores são sequestrados nas ruas ou em escolas. Outros são forçados a deixar suas casas, ameaçados com armas de fogo, na frente de seus pais, que angustiados, permanecem passivos. Por outro lado, os menores constituem vantagens e serviço aos bandos; obedecem sem protestar, são facilmente substituídos e frequentemente se tornam aliados destes criminosos. Devem servir como ‘isca’, ser espiões ou guarda-costas de seus comandantes, carregar munições, água e gêneros alimentícios, enquanto as meninas são obrigadas a sofrer abusos sexuais dos adultos.

FONTE: Agência Fides - 12/11/2014

Comentários