Header Ads

Mais de 30 mil grupos de celebram domingo a 3ª Jornada Nacional da IAM


O Secretariado Nacional da Obra da Infância e Adolescência Missionária (IAM), sediado em Brasília (DF), fez uma intensa mobilização com os grupos de IAM nos estados, dioceses e paróquias do Brasil, para celebração da 3ª Jornada Nacional da Obra. A jornada ocorre amanhã (31) em mais de 30 mil grupos de IAM em funcionamento no Brasil.

O tema da Jornada Nacional da IAM em 2015 é “IAM da América a serviço da missão na Ásia”, continente que é tema das reflexões deste ano é e simbolizado por meio dos lencinhos de cor amarela, usados pelas crianças.

O lema ''Vocês são meus amigos” (Jo 15,14) é um desdobramento do lema geral da IAM “De todas as crianças e adolescentes do mundo, sempre amigos”. O propósito, segundo o secretário nacional da IAM, padre André Luiz Negreiros é sensibilizar as crianças e adolescentes a apoiar projetos missionários. Os donativos das crianças brasileiras irão apoiar os projetos da Pontifícia Obra da Infância e Adolescência Missionária na América.

A Obra
Criada na França em 19 de maio de 1843, a Obra da Infância e Adolescência Missionária completou 172 anos de fundação, data que será celebrada nesta 3ª Jornada Nacional. No Brasil a significativa aceitação da metodologia desenvolvida com os grupos de crianças e adolescentes missionários, favoreceu o funcionamento de mais de 30 mil grupos.

A celebração
De acordo com padre André Negreiros, a 3ª Jornada Nacional contará com uma celebração especial nas dioceses e paróquias. “Nesta celebração festiva, crianças e adolescentes farão a consagração, durante a coroação de Nossa Senhora, recebendo o lencinho e o escuto da IAM. Em seguida, haverá a  coleta do "Cofrinho Missionário", com a oferta das crianças”. Para melhor motivar a Jornada, o secretariado nacional da IAM, em Brasília, confeccionou cartaz e roteiro para a celebração. O secretário nacional acredita que a celebração fortalecerá o carisma missionário das crianças e adolescentes e irá estimular a formação de novos grupos.

Cofrinho missionário 
O desejo de que todas as crianças do mundo possam conhecer Jesus e ter vida digna é o que impulsionou, em 1843, o bispo francês dom Carlos Augusto de Forbin-Janson, a fundar esta obra missionária. Seu objetivo é que sejam as próprias crianças que, com suas orações e donativos, ajudem outras crianças em todo o mundo. As crianças e adolescentes da Infância e Adolescência Missionária cooperam materialmente com ofertas que são fruto de seus sacrifícios e se destinam para as obras dedicadas às crianças e para a evangelização. Cada mês, as crianças, com alegria, porque são frutos de seus sacrifícios, entregam uma oferta para as crianças necessitadas do mundo.

As crianças e os adolescentes missionários comprometem-se a"Repartir seus bens com os que têm, mesmo à custa de sacrifícios", conforme o 3º Compromisso da IAM.

Destinação 
O secretário nacional, padre André Negreiro explica que a Obra Pontifícia da Infância e Adolescência Missionária, em âmbito mundial, apoia economicamente centenas de projetos. “São projetos que protegem a vida, tais como centros para crianças órfãs, casas de acolhida para crianças de rua ou assistência de saúde aos recém-nascidos e escolas infantis, estão entre as prioridades”.

Informa ainda que também há projetos que visam a "formação cristã" mediante a construção de salas para o catecismo, edição de publicações religiosas e animação missionária entre as crianças.

O continente que mais recebeu ajuda nas últimas doações foi a África, com 52%, seguido da Ásia, para onde foram destinados 40% dos donativos. A América Latina, onde esta obra pontifícia tem grande popularidade, recebeu também numerosas ajudas, assim como a Oceania.

Padre André ressalta que todo donativo arrecadado no Cofrinho Missionário é destinado, exclusivamente, para as crianças do mundo atendidas pelos projetos da Pontifícia Obra da Infância e Adolescência Missionária. "Todos os anos é publicada uma lista com as ofertas realizadas pelas crianças do Brasil e o destino final dos recursos,” observa.


Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.