Mais uma paróquia da Diocese de São Miguel Paulista acolhe a IAM


No último sábado, 08 de abril, a coordenação da Infância e Adolescência Missionária da Diocese de São Miguel Paulista, em São Paulo (SP), deu início a mais uma parceria com a Paróquia Santo Antônio de Sant'Ana Galvão, Setor Ermelino Matarazzo, no intuito de implantar mais um grupo da Obra Pontifícia.

A equipe foi recebida pelo pároco, padre Marcio Rodrigues, que fez o convite para esta primeira conversa. A reunião transcorreu com um breve relato feito pelo coordenador diocesano da Obra, Felipe Gonçalves, sobre a história da IAM, desde a sua fundação na França, pelo bispo Dom Carlos Forbin Janson, onde em 1843, inspirado pelo Espírito Santo, chamou as crianças daquele país a ajudarem as crianças chinesas através da oração e do sacrifício de uma moedinha; das quais lhe chegavam centenas de cartas com pedidos de ajuda, despertando então a solidariedade entre elas.

Após o relato histórico foi colocado também um pouco da realidade local, de como está representada a IAM em diversas paroquias da diocese e por fim, a equipe apresentou os materiais e a metodologia que envolve os encontros com os diversos temas. "A Infância e Adolescência Missionária é muito boa porque já tem todo o material, podendo trabalhar com temas e assuntos da realidade das crianças.", evidenciou Ana, uma das participantes da reunião.

Padre Márcio também ressaltou a assessoria dos coordenadores diocesanos que procuram acompanhar o trabalho das paróquias onde há grupos implantados.

"Mais uma vez semeamos em um terreno fértil, deixando nele uma pequena semente. A semente do querer conhecer mais para assim darmos o 'sim' para a obra de evangelização, do ser e fazer Igreja e, acima de tudo, fazer com que neste terreno que é tão fértil, brote a semente da perseverança da fé em nossas crianças, para que assim possam tornar Jesus Cristo conhecido e amado por todos.", avaliou Edvalda Santana, assessora diocesana da Obra.

Um novo encontro foi marcado para o dia 13 de maio no intuito de continuar o processo de implantação. 

Comentários