#FalaSério: Crianças órfãs por causa do ebola: Um dos efeitos colaterais do vírus


20% das crianças liberianas com menos de 2 anos de idade perderam os pais por causa da epidemia de ebola que, desde março passado, está afetando a África Ocidental. Muitos permanecem completamente sozinhas, abandonadas nas ruas, sem abrigo nem assistência médica ou alimentar.
 
O impacto do vírus nos sistemas e serviços de saúde já muito precários está se tornando devastador. Quase todos os centros de saúde estão fechados ou funcionam parcialmente. As crianças não são seguidas, mesmo para as doenças pediátricas mais comuns, como malária, pneumonia, diarreia e desnutrição aguda grave.
 
O setor da educação das crianças está sofrendo a influência do vírus. Tanto na Libéria e Serra Leoa mais de 3 milhões e quinhentas mil crianças não podem voltar para as escolas, até um novo aviso, que permanecem fechadas. De acordo com o balanço da Organização Mundial da Saúde, a epidemia de ebola em Serra Leoa, Libéria, Guiné, Nigéria e Senegal, até agora registram 4.269 contágios e 2.288 mortos.

FONTE: Agência Fides - 13/09/2014

Comentários