Header Ads

Secretário da IAM do Brasil assessora Jornada das POM na África


A 1ª Jornada Nacional das Pontifícias Obras Missionárias (POM) de Angola e São Tomé, na África, foi realizada na diocese de Benguela e teve como assessor o secretário nacional da Infância e Adolescência Missionária (IAM) do Brasil, padre André Luiz de Negreiros. Durante o evento, promovido de 25 a 28 de agosto, foram realizados grupos de estudo, conferências, plenárias, missas e partilhas com a participação de 82 delegados das arqui/dioceses de Angola e São Tomé.

A Jornada teve como tema: “Chamados a fazer brilhar a palavra da Verdade”, e vários sub-temas abordados pelos assessores do evento. Padre André abordou o tema: Infância e Adolescência Missionária nas Paróquias e Escolas e a Mensagem do papa Francisco para o Dia Mundial das Missões. O sacerdote brasileiro elogiou o trabalho e a fé dos africanos. “A alegria e organização dos trabalhos da IAM e da Juventude Missionária (JM) nas dioceses me encantaram. Percebi que mesmo diante dos desafios encontrados as POM estão presentes e crescem de forma substancial em todas as dioceses dos dois países participantes, Angola e São Tomé”.

Além do padre André a Jornada teve como palestrante dom Eugénio Dal Corso, bispo de Benguela, que abordou o tema: “Paróquia Missionária no contexto da Evangelização.” O arcebispo emérito de Lubango, dom Zacarias Kamuenho, ministrou palestra sobre o tema: “As POM no processo da (nova) Evangelização em Angola.”

“Espiritualidade Missionária e Centenário da Pontifícia União Missionária”, foi o tema da intervenção de dom Óscar Braga, bispo emérito de Benguela.  O evento contou, ainda, com a coordenação do padre Fausto de Carvalho, diretor nacional das Pontifícias Obras Missionárias (POM) da África.

Ao final da Jornada os participantes apresentaram algumas resoluções estabelecidas no evento: uniformizar os distintivos da IAM e da JM; incentivar os membros das POM para a cultura do cofrinho, tendo por objetivo a cooperação missionária; buscar nos sacramentos da Penitência e Eucaristia a paz e a força para o testemunho da fé na missão; revisão e aprovação dos estatutos da Liga Missionária Juvenil.

Os delegados das Obras em Angola e São Tomé também definiram ações que serão realizadas nos dois países, como, elaboração de um programa de animação missinária nas dioceses; criação de secretariados da IAM e da POSPA nas regiões eclesiásticas de Angola; criação da “família missionária”, grupos articulados à obra da Propagação da Fé, no sentido de integrar os assessores e membros da Liga Missionária que vão assumindo responsabilidades familiares e também os casais jovens que queiram viver a espiritualidade missionária segundo as Obras.

Os participantes do evento agendaram a próxima formação sobre animação missionária para 2017, com a participação de diretores diocesanos, bispos, religiosas e leigos; e decidiram que as Jornadas Nacionais das POM serão realizadas de três em três anos.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.