Header Ads

Rumo a 5ª Jornada Nacional da IAM - Bumerangue


O Boomerang, (Bumerangue, em português), é mundialmente conhecido como um objecto em V que depois de devidamente arremessado volta à mão de quem o atirou. A sua origem é incerta embora se saiba que muitas civilizações antigas usavam instrumentos de arremesso semelhantes aos boomerangs pois foram encontrados exemplares em vários continentes diferentes. Supõe-se que eram utilizados para conduzirem presas para a zona de caça, assustando-as e assim capturando-as em armadilhas pré-preparadas.

O mais antigo exemplar de boomerang foi descoberto em 1987 na Polônia e tinha sido feito a partir de um dente de mamute. Estimou-se que a sua origem remontaria a cerca de 23 mil anos atrás.

Apesar de tudo, a Austrália foi o país que tornou famoso o boomerang muito devido ao uso que os nativos lhe davam há milhares de anos, como armas de arremesso. Os exemplares australianos mais antigos foram encontrados pelo arqueólogo Roger Luebbers, em 1973, com uma data estimada de 9 mil anos. Foram encontrados três modelos completos, todos feitos em madeira.

Boomerangs aborígenes australianos

Acredita-se que, para além da caça, este instrumento fosse utilizado para uma diversidade de coisas, tais como: cortar alimentos, escavar a terra em busca de raízes e até para a pesca. Os nativos australianos tinham o hábito de os atirar contra os bandos de pássaros na expectativa de atingir algum.

Com a chegada em 1770 do capitão James Cook à Oceania, iniciou-se a colonização da Austrália pela Inglaterra, o que favoreceu a chegada do boomerang à Europa.

Na Europa a sua popularidade foi tal que começou a ser utilizado como atividade esportiva, com vários aperfeiçoamentos. No final da década de 60 e inícios de 70, surgiram os primeiros clubes e federações na Austrália, Europa e Estados Unidos.

Apesar da aparente complexidade no seu uso, os Boomerangs são objetos fascinantes, simples de usar e que qualquer pessoa pode experimentar e praticar, independentemente da sua idade.

Curiosidades:
– Em média pesa 100 gramas mas pode descer para os 25 gramas em modelos especiais de competição.
– O nome Boomerang é de origem europeia. Os nativos chamavam-lhe “Kylie” ou “Karlie”.
– Os Boomerangs podem variar de formato e de número de asas: 2, 3, 4, 5, 6 asas ou mais.
– Usar um Boomerang era símbolo de poder. Os desenhos que o decoravam identificavam membros de famílias e clãs, mostrando assim a riqueza e posição social de quem o empunhava. A sua utilização estava vedada às mulheres.

Neste vídeo você vai aprender a fazer um bumerangue caseiro de papel cartão:


Os materiais que você precisa são:
– molde em pdf do bumerangue (versão para destros ou canhotos)
– quadrado de papel cartão
– cola bastão

Recorte o molde do bumerangue (não deixe de pegar a versão certa para a sua mão!) deixando uma bordinha branca em volta da figura. Cole o desenho no papel cartão, de modo que o lado colorido fique no verso da imagem do bumerangue.

Recorte de novo seguindo as linhas da imagem do pdf e faça um picote na ponta do bumerangue (dê uma olhada no vídeo!), dobrando a parte mais clara do papel para baixo.

Fique atento pra ver se o papel entortou depois da colagem e arrume pra que ele fique bem retinho. Faça uma pinça com os dedos e pegue em uma das extremidades do bumerangue para arremessá-lo e começar a diversão!

De todas as crianças e adolescentes do mundo, sempre amigos!

Veja mais:

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.